Rayssa Leal Rayssa Leal compete no próximo domingo no street feminino do X Games de Verão nos Estados Unidos | Maranhão Hoje – MARANHÃO Hoje- Notícias, Esportes, Jogos ao vivo e mais

Brasil inicia foi três vezes ao pódio nesta quarta-feira 

O skate brasileiro foi três vezes ao pódio no primeiro dia dos X Games de Verão, segunda etapa de um dos maiores eventos de esportes radicais do mundo. A competição ocorre em Los Angeles, na Califórnia (Estados Unidos).

Nesta quarta-feira (20), o paranaense Gui Khury, de apenas 13 anos, conquistou duas medalhas de prata, ambas no vertical (disputa em uma pista com formato de “U”), sendo uma delas na prova específica de melhor manobra (Best Trick Vert), em que o paulista Rony Gomes foi bronze.

No vertical, Gui dividiu o pódio com os norte-americanos Jimmy Wilkins (ouro) e Mitchie Brusco (bronze). Já na disputa da melhor manobra, ele e Rony (oitavo na prova anterior) ficaram atrás de Elliot Sloan, também dos EUA. Ainda nesta quinta, a dupla brasileira participa da Mega Rampa, às 21h30 (horário de Brasília), junto do também paulista Ítalo Penarrubia.

Gui dividiu o pódio com os norte-americanos Jimmy Wilkins e Mitchie Brusco (Israel Santana/CBSK/divulgação)

No domingo (24), às 16h, Letícia Bufoni, Pâmela Rosa e Rayssa Leal (prata em Tóquio) competem no street feminino. Por fim, às 18h, Luiz Francisco conclui a participação brasileira na prova masculina do park (estilo onde a pista tem formato similar ao de uma piscina, com paredes e elementos de rua).

 

Desempenho – Esta é a segunda vez que Gui brilha nos X Games em 2022. Em abril, o brasileiro obteve duas medalhas (prata e bronze) na etapa de Chiba (Japão). À época com 13 anos e quatro meses, o paranaense se tornou o mais jovem da história a ir ao pódio na prova. Em 2021, ainda com 12 anos, ele foi o mais novo a conquistar um ouro no evento, na disputa de melhor manobra. Rony, por sua vez, acumulava duas pratas e um bronze em participações anteriores antes desta quarta.

A participação do Brasil em Los Angeles continua no sábado (23), a partir das 18h, com o gaúcho Carlos Ribeiro, o paulista Kelvin Hoefler – prata na Olimpíada de Tóquio (Japão) – e o paranaense Felipe Nunes nas disputas masculinas do street (estilo praticado em obstáculos de rua). Carlos e Kelvin participarão somente da prova “regular”, enquanto Felipe estará apenas na competição de melhor manobra, que começa às 19h30.

(Agência Brasil)

Admin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.