PL pede cassação do deputado Márcio Jerry, mas PCdoB o defende | Maranhão Hoje – MARANHÃO Hoje- Notícias, Esportes, Jogos ao vivo e mais


Deputado se envolveu em polêmica com a deputada Julia Zanatta

O Partido Liberal entrou com um pedido de cassação do mandato do deputado federal do PCdoB do Maranhão, Márcio Jerry. Durante reunião da Comissão de Segurança Pública, na última terça-feira, 11, ele abordou a deputada Julia Zanatta (PL-SC) de forma inapropriada com a intenção de intimidá-la. O deputado é defendido pelo seu partido.

Na representação assinada por Costa Neto, o PL solicita que seja instaurado processo ético-disciplinar contra Márcio Jerry, e punição com a perda de seu mandato por quebra de decoro parlamentar, como medida pedagógica e exemplar para evitar que atos semelhantes ao ocorrido com a deputada do PL não se repitam no Parlamento brasileiro.

“A atitude do Representado é exemplo de comportamento incompatível com o decoro parlamentar, que diminuem, que ridicularizam, que leva ao descrédito a Câmara dos Deputados e o Congresso Nacional. É grave a conduta praticada pelo deputado Márcio Jerry e deve ser punida de forma cabal com a cassação de seu mandato”, diz um trecho da ação.

Para o PL, a atitude de Márcio Jerry infringe as regras de boa conduta, e configura o desacato promovido com Julia Zanatta, absorvidos pelos incs. II, III  e X, do art. 5º do Código de Ética e Decoro Parlamentar.

“O comportamento do Representado dista da dignidade que se espera do mandato parlamentar (art. 244 do RICD) e demonstra o completo desrespeito do Deputado perante seus colegas, em evidente abuso de prerrogativa, ao usar uma situação “favorável” do alegado tumulto da Comissão para importunar sexualmente sua colega, cheirando seus cabelos e “colando” o seu corpo com o da ofendida”.

Solidariedade – O Partido Comunista do Brasil (PCdoB), por outro lado, entende que o deputado está sendo acusado injustamente. Eis a nota do partido:

Diante das acusações absurdas de assédio contra o deputado federal, Márcio Jerry (PCdoB-MA), o Partido Comunista do Brasil (PCdoB) se solidariza com o parlamentar que é também presidente estadual do Partido no Maranhão.

Ele está sendo acusado injustamente de assédio pela deputada federal Júlia Zanatta (PL/SC).

A parlamentar bolsonarista divulgou imagens nesta quarta-feira (12), em que acusa o deputado de assédio enquanto participavam, nesta terça-feira (11), de reunião na Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado, que recebeu ontem o ministro da Justiça Flávio Dino, na Câmara dos Deputados.

A imagem divulgada fora de contexto distorce o que aconteceu. No tumulto e diante da agressão da deputada do PL contra a deputada Lidice da Mata, Márcio Jerry se aproxima e pede respeito à parlamentar que tem 67 anos de idade e 40 anos de mandatos eletivos.

O PCdoB repudia essa mentira e a prática da deputada Júlia Zanatta que constrói sua carreira política com base em fake news, discurso de ódio e incitação à violência.

Partido Comunista do Brasil – PCdoB

Admin